segunda, maio 21, 2018

Programação – Piscishow&Avisuleite Programação – Piscishow&Avisuleite

Programação

Atenção: os dias de realização dos eventos foram adiados para os dias 21, 22 e 23 de novembro/2018, conforme justificativas publicadas neste site. Clique aqui para ler.

Programação 2018

É SHOW – Programação da PISCISHOW/AVISULEITE 2018 alia teorias à experiência de quem empreende

Lago de Palmas, um dos cenários de exploração econômica do Tocantins (Foto: Secom/TO)

Apresentamos, aqui neste texto, 90% da programação definida das edições 2018 do PISCISHOW e do AVISUELEITE, eventos conjuntos que, neste ano, ocorrem em Palmas, entre os dias 13 e 15 de junho, no Espaço Cultural de Palmas. No local será montada toda a estrutura com estandes comerciais e institucionais, recepção, inscrições e três auditórios, sendo dois para palestras, mesas redondas e talk-show e uma para cursos. Será usado também, como auditório, o Theatro Fernanda Montenego, do Espaço Cultural. As outras atividades estão em desenvolvimento.

Procuramos, como sempre, buscar, na região e no Brasil, o melhor em temas, palestrantes (pesquisadores e empresáris), monitores e demais atores das cadeias produtivas do peixe, das aves, dos suínos e do leite, atendendo aos anseios e necessidades de produtores destas cadeias e de estudantes da área de agrárias.

É a nossa contribuição – na saudável parceria público-privado -, como empreendedores, aos poderes públicos, à iniciativa privada e às academias no processo de desenvolvimento das cadeias que são focos destes dois eventos.

A solenidade oficial de abertura dos eventos será entre 8h30 e 10h00, do dia 13, com pronunciamentos de autoridades regionais e federais e homenagens à pessoas e instituições que contribuem para o desenvolvimento da piscicultura, avicultura, suinocultura e da cadeia do leite no Tocantins e no Brasil.

Palestra magna

Logo após, entre 11h00 e 12h00, o jornalista e repórter do programa Globo Rural, da Rede Globo, José Hamilton Ribeiro, faz palestra magna, com o tema “agronegócios e sustentabilidade”… clic aqui para ver toda a programação de 2018

===========================================================================================

Programação 2017

Conteúdo enriquece de conhecimentos todas as cadeias

O peixe tem sido a maior vedete dos eventos (Foto: Pirarucu. Divulgação)

Dia 13

Auditório Araguaia

07h30 – 9h00 – Recepção e credenciamento

09h00 –  Abertura dos eventos

Composição do dispositivo de honra.

Interpretação do Hino Nacional.

Discursos de abertura.

Homenagens às instituições e pessoas que contribuem com o desenvolvimento das cadeias produtivas da piscicultura, da avicultura, da suinocultura e do laticínios : Sebrae nacional, Embrapa, PEIXE BR, Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA), Pedro Ferreira, presidente do Conselho do Sebrae no Tocantins;  Roberto Sahium, secretário do Desenvolvimento Rural de Palmas, e Adão Rego, empreendedor do ramo do leite (Leite Jalapão).

In memoriamao Dr. Eudoro Zacarias Pedrosa, político, empreendedor e duas vezes secretários de Indústria e Comércio do Tocantins, por sua visão de Estado e desenvolvimento, companheirismo e dedicação do Estado, durante muitos anos de sua vida.

11h00 – 12h00 – Palestra magna

Tema

Aquicultura e Pesca: Oportunidades, desafios e estratégias

Palestrante

Altemir Gregolin*

*Ex Ministro da Pesca e Aquicultura de 2006 a 2010; Professor do Curso de Aquicultura e Pesca na Fundação Getúlio Vargas;  Médico Veterinário;  Especialista em Administração Rural e Mestre em Planejamento e Políticas de Desenvolvimento Agrícola e Rural para América Latina e Caribe pela UFRRJ;  MBA em Gestão Estratégica e Econômica de Negócios pela Fundação Getúlio Vargas e Consultor

Coordenador: Carlos Magno, chefe-geral da Embrapa Pesca e Aquicultura (Tocantins)

14h00 – 15h00

Palestra

Panorama da Avicultura e da Suinocultura no Brasil e no mundo – perspectivas para o Tocantins.

Palestrante 

Ariel Antônio Mendes* (Representante do presidente da ABPA, Francisco Turra).

*Diretor de Relações Institucionais da ABPA

É Médico Veterinário, formado pela Universidade Federal do Paraná, tem  curso de Mestrado  pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Doutorado pela Universidade Nacional Autônoma do México e Pós-Doutorado pela Universidade de Arkansas nos Estados Unidos.

É Professor Titular aposentado da Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia da UNESP de Botucatu. Foi presidente da FACTA – Fundação Apinco de Ciência e Tecnologia Avícolas, da UBA- União Brasileira de Avicultura e da ALA – Associação Latinoamericana de Avicultura.

 

Coordenador

Dr. Alexandro de Castro, secretário do Desenvolvimento, Ciência, Tecnologia e Turismo do Estado do Tocantins.

15h00 – 15h30

Intervalo para lanche

15h40 – 16h40

Palestra 

Perspectiva da piscicultura brasileira e os desafios da PEIXE BR

Palestrante

Francisco Medeiros*

*Médico Veterinário, ex-professor da Universidade Federal do Mato Grosso, autor dos livros: Tanque-rede: mais tecnologia e lucro na piscicultura; Piscicultura Intensiva em Mato Grosso e Como iniciar uma piscicultura com espécies nativas. É presidente da Associação Brasileira de Piscicultura (PEIXE BR) e sócio da empresa Manso Aquicultura Ltda, em Mato Grosso.

Coordenadora 

Miyuki  Hyashida, piscicultura e prefeita de Brejinho de Nazaré (TO).

16h50 – 17h50

Palestra 

Avanços tecnológicos no cultivo de pirarucu

Palestrante

Eduardo Sousa Varela*

*Possui graduação em Ciências Biológicas pela Universidade Federal do Ceará (2003); Mestrado em Biologia Ambiental pela Universidade Federal do Pará (2005); Doutorado em Genética e Biologia Molecular pela UFPA; Atualmente é pesquisador da EMBRAPA pesca e aquicultura; Tem experiência na área de Genética, com ênfase em Genética Animal, atuando principalmente nos seguintes temas: Genética da conservação e Genética de recursos pesqueiros.

Coordenadora: Thuany Gonçalves, estudante de Jornalismo na UFT e estagiária da Cerrado Rural Agronegócios.

18h00 – 19h00

Mesa-redonda 

Gargalos e soluções das cadeias da piscicultura, avicultura, suinocultura e leite no Tocantins.

Expositores 

Representantes das secretarias de Estado do Tocantins de Desenvolvimento Econômico, de Desenvolvimento da Agricultura e Pecuária;  Instituto Natureza do Tocantins (Naturatins); do Sebrae-TO e empreendedores das quatro setores.

Coordenador: Jornalista Antônio Oliveira

Auditório Rio Tocantins

Palestra

Ações e evolução da piscicultura no oeste da Bahia – aproveitamento de canais de irrigação para a aquicultura.

Palestrante:

Afonso Ferreira*

Administrador de Empresa com especialização em piscicultura; Piscicultor e consultor de projetos nos estados de Tocantins, Bahia, Goiás, São Paulo, Minas Gerais, entre outros.

Coordenador: Antônio Oliveira, jornalista, editor-geral da revista Cerrado Rural Agronegócios e coordenador do PISCISHOW e AVISULEITE

15h00 – 15h30 – intervalo para lanche

16h30 17h30

Palestra 

Boas práticas agropecuárias com ênfase em bem estar animal na produção de leite

Palestrante 

Rogério Morcelles Dereti*

*Possui mestrado em Ciências Veterinárias pela Universidade Federal do Paraná (2003). Atualmente é analista A da área de transferência de tecnologia da Embrapa Gado de Leite. É gestor do Núcleo Avançado Sul da Embrapa Gado de Leite, lotado no município de Pelotas/RS. Tem experiência na área de pesquisa e validação de tecnologias agropecuárias, com ênfase em sistemas de integração lavoura-pecuária-florestas e sistemas silvipastoris, atuando principalmente nos seguintes temas: pecuária leiteira, bem-estar animal, sistemas silvipastoris, sanidade animal, transferência de tecnologia, pesquisa agropecuária. Doutor em Zootecnia na área de sistemas de produção animal, com ênfase em boas práticas agropecuárias na produção de leite, ambiência, bem-estar animal e qualidade do leite.

Coordenador: Rodrigo Rochael Guerra (Superintendente da SFA-TO/MAPA)

Auditório Rio Formoso

15h30 – 16h30

Palestrante 

Leovegildo Lopes de Matos

Palestra 

Produção de leite a pasto

*Graduado em Eng. Agronômica pela Universidade Federal de Viçosa (1973), mestrado em Zootecnia pela Universidade Federal de Viçosa (1976) e doutorado em Animal Science – Cornell University (1988);  Atualmente é pesquisador iii da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária;  Tem experiência na área de Zootecnia, com ênfase em Avaliação de Alimentos para Animais, atuando principalmente nos seguintes temas: alimentação suplementar, produção de leite, alimentação- gado de leite, alimentação de vacas e vacas em lactação;  De 2001 a 2010, atuou como Coordenador do Núcleo Sul de Apoio a Pesquisa e Transferência de Tecnologias para o Setor Leiteiro, em Londrina, Paraná;  De 2010 a 2012, atuou como Coordenador da Embrapa África, com sede em Acra, Gana, atuando em países como: Marrocos, Guiné-Bissau, Senegal, Libéria, Costa do Marfim, Togo, Guiné Equatorial, Cabo Verde, Quenia, Tanzania, Zambia, Etiopia;  De 2012 até o presente, atua como Coordenador do Núcleo Centro-Oeste de Apoio a Pesquisa e Transferência de Tecnologias para o Setor Leiteiro, em Santo Antônio de Goiás, GO.

Coordenador: José Júnior Tranqueira da Silva, acadêmico do curso de Zootecnia da Católica do Tocantins

16h40 – 17h40

Palestra

A piscicultura e a pesca esportiva: como estas atividades podem promover o desenvolvimento sustentável do estado do Tocantins?

Palestrante

Tiago Fontolan Tardivo

Coordenador

Naislan Fernanda Andrade Oliveira, acadêmica do curso de Zootecnia da Católica do Tocantins

*Gerente de Pesca da Diretoria de Aquicultura e Pesca da Secretaria do Desenvolvimento da Agricultura e Pecuária do Tocantins (Seagro) e coordenador regional, no Tocantins,  da Associação Nacional de Ecologia e Pesca e Esportiva (ANEPE); É mestre em produção animal (piscicultura) pela Universidade Estadual de Maringá; MBA em agronegócio pela Universidade Federal do Tocantins; Exerceu sua experiência profissional e acadêmica na Aquicultura  Fazenda São Paulo (reprodução, larvicultura e alevinagem de peixes nativos e qualidade de água); Assessor da Coordenadoria de Aquicultura e Pesca do Instituto de Desenvolvimento Rural do Tocantins (Ruraltins);  Membro da Sociedade Tocantinense de Pesca Esportiva – STOPE.

Coordenador: Roberto Olliveira (Jornalista e músico)

18h00 – 19h00

Painel

O produtor merece crédito – um bate-papo entre bancos e produtores”

Apresentação das linhas de crédito para as cadeias produtivas do peixe, das aves, dos suínos e do leite.

Presença de superintendentes ou representantes dos bancos que operam com linhas de crédito e custeio.

Mediador 

Jornalista Antônio Oliveira, editor-geral da revista Cerrado Rural Agronegócios e coordenador do PISCISHOW e AVISULEITE

Dia 14

Auditório Araguaia

09: as 10:00

Palestra: Peixes nativos e sua inclusão social, econômica e ambiental

Palestrante

Roberto Sahium*

*Engenheiro Agrônomo pela Universidade Federal de Goiás/ Escola de Agronomia e Veterinária, Goiânia 1977; Pós-graduado em Irrigação e Drenagem, pela Universidade de Benito Juarez, em El Carizo, Estado de Sinaloa, México – 1980/81, com especialização em drenagem de várzea; Estagio: “en utilizacion de las aguas negras sobre suelo y cultivo de alfalfa en El Distrito de Riego 03 Tula”, Hidalgo, México- outubro de 1981; Especialização em arroz irrigado, curso realizado no Projeto Guapó – Goiás, pela EMBRAPA/EMATER/EMGOPA – 1978 a 1979;  Pós-graduado em Desenvolvimento de Políticas Estratégicas, curso realizado na Escola Superior de Guerra, delegacia do Estado do Tocantins, em Palmas-2008;  Especialização em piscicultura na área de projetar e organizar espaços internos e externos, segundo critérios de estética, conforto e funcionalidade de um criatório de peixes, Tocantins 1982 até a presente data;  Associado da Associação de Engenheiros Agrônomos do Tocantins – AEATO;  Membro da Academia de Letras da ATER-Brasileira; Extensionista do Ruraltins (TO);  Está Secretário do Desenvolvimento Rural de Palmas.

Coordenadora: Thuany Gonçalves, estudante de Jornalismo na UFT e estagiária da Cerrado Rural Agronegócios.

10:00 às 11:00

Palestra 

A viabilidade econômica da avicultura e suinocultura no MATOPIBA

Palestrante 

Dirceu João Duarte Talamini*

*Possui graduação em Engenharia Agronômica pela Universidade Federal de Santa Maria (1973), mestrado em Economia pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (1977) e doutorado em Economia Rural – University of Oxford (1989). Trabalha na Embrapa Suínos e Aves onde foi Chefe Geral por três mandatos e atualmente é pesquisador A dessa instituição. Tem experiência em gestão de instituições públicas e na área de Economia, com ênfase em economia rural. Tem atuado principalmente nas áreas de suinocultura e avicultura, agronegócios e administração rural. Tem doutorado em Economia Rural, pela University of Oxford. Título: An analytic review of the pig and poultry industries in Brazil and of the pattern of international trade in meats and poultry.

Ano de obtenção: 1989 Orientador: George Jones; Mestrado em Economia pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Título: Análise econômica dos sistemas de produção de suínos – Santa Catarina. Orientador: Atos Freitas Grawunder. Graduação em Engenharia Agronômica, pela Universidade Federal de Santa Maria

Coordenador: Antônio Oliveira, jornalista, editor-geral da revista Cerrado Rural Agronegócios e coordenador o PISCISHOW e AVISULEITE

11:00 – 11h10

Intervalo para lanche

11h10 – 12h10

Palestra

Aquaponia: produção integrada de peixes e vegetais.

Palestrante:

Fernando André Salles*

*Zootecnista, doutor em Qualidade e Produtividade Animal pela Universidade de São Paulo; Pesquisador Científico da Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios – APTA, Polo Ribeirão Preto, onde coordena o programa de pesquisa em Aquaponia.

Coordenadora

Thuany Gonçalves Lopes, acadêmica de Jornalismo na UFT e estagiária na revista Cerrado Rural.

12h10 – 14h00

Intervalo para almoço

14h00 – 15h00

Palestra

Desafios para a consolidação da cadeia produtiva da piscicultura no Brasil.

Palestrante

Eduardo Ono

*Engenheiro agrônomo formado pela ESALQ/USP, mestre em aquicultura pela Auburn University; Sócio da empresa Nova Aqua, especializa na prestação de serviços no segmento de aquicultura, com atuação nacional e internacional; Ocupa o cargo de presidente da Comissão Nacional de Aquicultura junto à CNA – Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil.

Coordenador

Roberto Olliveira,  Jornalista e  músico

15h00 – 15h20

Intervalo para lanche

15h20 – 16h30

Visita a sede da Embrapa Pesca e Aquicultura (previamente agendada)

Volta, impreterivelmente, as 16h50

Se inscrever previamente no estande da Embrapa

17h20 – 18h20

Palestra:

Viabilidade econômica do cultivo da tilápia no Brasil

Palestrante:

Mauro Nakata*

*Formação em Ciências Econômicas pela Universidade de São Paulo; Experiência de 8 anos no mercado de peixes processados e de mais de 15 anos na atividade de piscicultura; Atuação no desenvolvimento de produtos provenientes de resíduos do processamento e sólida atuação no desenvolvimento de mercado de filés de peixes no interior do Estado;  2º Secretário do SIPESP – Sindicato da Indústria da Pesca do Estado de São Paulo;  Membro fundador da Peixe BR – Associação Brasileira da Piscicultura. Sócio da Piscicultura Cristalina, empresa de engorda e processamento de Tilápias. Áreas de interesse:  tecnologia em piscicultura, legislação ambiental, processamento de pescados, aproveitamento de sub-produtos.

Coordenador

Jornalista Antônio Neves, repórter e apresentador da TV Girassol/Cultura, de Palmas.

18h20 – 19h20

Mesa-redonda

Aspectos técnicos e biológicos da introdução de espécies exóticos na Bacia Amazônica – mitos e verdades

Debatedores

Roberto Sahium¹, José Coutinho² e Miyuki  Hyashida³ x Carlos Magno4, Emerson Esteves5 e Edson Cabral de Oliveira6

1)Secretário de Desenvolvimento Rural de Palmas; 2) Biológo, aquicultor e ex-coordenador estadual do Censo Aquícola pela Food and Agricultore Orgonization of the United Nations FAO/MPA; 3) Aquicultora, produtora de alevinos há de mais de 25 anos no Tocantins e atual prefeita de Brejinho de Nazaré (TO); 4) Chefe-Geral da Embrapa Pesca e Aquicultura; 5) Aquicultor, produtor de alevinos de espécies exóticas (tilápia e pangasius) e atual presidente da Associação dos Piscicultores em Águas Paulistas e da União (PEIXE SP) e 6) Administrador de empresas, vice-presidente do Instituto Natureza do Tocantins; ex-diretor técnico do Sebrae.

Mediador

Altair Albuquerque, Jornalista e diretor-proprietário da Texto Comunicação Corporativa, de São Paulo.

Auditório Rio Tocantins

9h00 – 10h00

Reservado

10h00 – 10h30

Intervalo para lanche

10h30 -11h30

Oficina

Manejo de matrizes e leitões na agricultura familiar

Monitor

Ueslei Silva Mazoni*

*Extensionista Rural – Médico Veterinário pela Ruraltins, Ules de Natividade; Graduado em Medicina Veterinária pela Universidade Federal da Bahia, Especialista em Produção de Pequenos Ruminantes pela UFT; Exerceu sua profissão Acadêmica na FADES (Faculdade para Desenvolvimento da Região Sudeste Tocantinense – Dianopolis) como professor da disciplina Produção de monogástricos, no Curso de Gestão em Agronegócio, foi professor e Coordenador no Colégio Agropecuário de Natividade nos cursos Técnicos em Agropecuária, Zootecnia e Aquicultura, responsável pelo Núcleo de Suinocultura na mesma entidade; Instrutor e Consultor em gerenciamento rural.

Coordenador: Rafaella Machado dos Santos de Medeiros, acadêmica do curso de Zootecnia  da Católica do Tocantins

14h00 – 15h00

Palestra: Censo Agropecuário 2017

Palestrante: Antonio Carlos Simões Florido

Coordenador Nacional do Censo Agropecuário 2017.

Coordenador: Kétuly da Silva Ataides, acadêmica do curso Zootecnia da Católica do Tocantins

Dia 15

AUDITÓRIO RIO ARAGUAIA

09h00 – 10h00

Palestra:  Potencial do Tocantins para a produção de matéria-prima da ração animal

Palestrante: *Alysson Paolinelli

*Ex-ministro da Agricultura e atual presidente da Associação Brasileira dos Produtores de Milho, Alysson Paolinelli vai falar sobre o potencial do Tocantins para a produção de ração (Foto: Divulgação)Formado em Agronomia pela Escola Superior de Agricultura de Lavras (ESAL), hoje Universidade Federal de Lavras (UFL), iniciou sua carreira profissional em 1960 como professor de Hidráulica, Irrigação e Drenagem na antiga ESAL, função que exerceu até 1990; entre 1966 e 1969, foi vice-diretor da então ESAL; entre 1968 e1969, foi Presidente da Associação Brasileira de Educação Agrícola Superior; de 1971 a 1974,  Secretário de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento de Minas Gerais;  1974 a 1979, foi  Ministro da Agricultura do Brasil; neste mesmo período foi Chefe da Delegação Brasileira na Conferência Mundial de Alimentos da FAO; Entre 1988, presidiu  a Confederação Nacional de Agricultura do Brasil; em  1990, foi Vice-Presidente do Comitê da Feira de Osaka – Japão; Durante o período entre 1991 e 1998, foi  Secretário de Estado de Agricultura Pecuária e Abastecimento de Minas Gerais;  Entre 1992 e1993 – presidiu o  Fórum Nacional de Agricultura. Tronou-se membro da Academia Nacional de Engenharia, a partir de 1996; Novamente volta, entre 1998 e 2001 ao comando de grandes empresas, presidindo a FIAT ALLIS Latino Americana; em 2010 elege-se presidente da Abramilho, onde permanece até os dias de hoje.

Coordenador: Clemente Barros, secretário o Desenvolvimento da Agricultura e Pecuária do Tocantins

10h00 – 10h20

Intervalo para lanche

11h20 – 12h20

Palestra

Sanidade na piscicultura de espécies nativas

Palestrante:

Patrícia Oliveira Maciel*

*Mestre em Ciências Biológicas pelo curso Biologia de Água Doce e Pesca Interior (BADPI) do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (INPA), Manaus-AM (2009);  Médica Veterinária pela Universidade Federal Fluminense (UFF), Niterói-RJ (2006). Trabalhou como técnica na Estação de Reprodução de Peixes Nativos da Secretaria Executiva de Pesca e Aquicultura-SEPA/SEPROR, Balbina-AM (2009-2010); Atualmente ocupa o cargo de Pesquisadora Científica na área de Sanidade de Espécies Aquícolas na EMBRAPA Pesca e Aquicultura, Palmas-TO; Principais áreas de atuação: Fisiologia de peixes; Parasitologia de Peixes

Coordenador

14h00 – 15h00

Palestra: Extrusão no mercado aqua (conteúdo técnico-comercial)

Palestrante: *Eduwaldo Jordão

*Engenheiro Elétrico formado pela Universidade Federal de Uberlândia; Atual como diretor industrial da Royal Canin; Atualmente é engenheiro de vendas técnica na empesa Wenger, na hora de rações para aquicultura; Tem mais de 20 anos de experiência na área de extrusão de rações.

Coordenador

Jornalista Antônio Oliveira

Auditório Rio Formoso

9h00 – 10h00

Palestra

Qualidade do leite no Estado do Tocantins e adequação de tanques comunitários.

Palestrante

Luís Felipe Lopes da Conceição*

*Formado em Medicina Veterinária pela Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro. Especialista em controle de qualidade de produtos de origem animal pela Universidade Federal de Lavras. Trabalhou como Médico Veterinário no Exército Brasileiro e em multinacionais no controle da qualidade de alimentos. Desde 2005 é  Auditor Fiscal Federal Agropecuário do Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento atuando diretamente no SIF em plantas frigoríficas de abate de bovinos. É auditor nacional SISBI e SISBOV e de Laticínios e Pescado. Gerenciou a área de leite sob o sistema SIF na SFA-TO/MAPA, no período de 2013 a 2015. A partir de 2016 passou a integrar a equipe técnica da DIVISÃO DE POLÍTICA, PRODUÇÃO E DESENVOLVIMENTO AGROPECUÁRIO da SFA-TO/MAPA, atuando na área de fomento e desenvolvimento da cadeia produtiva pecuária.

Coordenador: Antônio Humberto Simão (Engenheiro Agrônomo, MS-Auditor Fiscal Federal Agropecuário, chefe da Divisão de Política, Produção e Desenvolvimento Agropecuário da SFA-TO/MAPA)

10h00 – 10h30

Intervalo para lanches

10h30 –  16h30 (Com intervalos para almoço e lanche)

Oficina

Avicultura Caipira

– Instalações

– Manejo das fases inicial, crescimento das aves;

– Nutrição e alimentação das aves;

– Controle Sanitário;

– Custo de Produção;

– Abate e comercialização.

Monitor

Hélio de Souza

Zootecnista, pela  Escola Superior de Ciências Agrárias de Rio Verde;

Pós Graduação: Nutrição de Ruminantes pela Unitins – Gurupi; Gestão em Agronegócio com ênfase na Agricultura Familiar pelo ITOP – Palmas;extensionista rural efetivo do Instituto de Desenvolvimento Rural – Ruraltins e mestrando do Curso  Agroenergia pela UFT.

Para ver a programação resumida clique aqui

 Obs.: A Comissão Organizadora se reserva o direito de alterar a programação, bem como os participantes, em função de qualquer empecilhos que possa acontecer.